Fluxo de caixa: O que é e como fazer em sua empresa.

Fluxo de caixa: O que é e como fazer em sua empresa
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on facebook

O Fluxo de caixa é um dos processos mais importantes e obrigatórios para que sua empresa tenha uma saúde financeira estável e esteja pronta para novos investimentos e consequentemente, um crescimento sustentável.

Para gerentes financeiros, ter um fluxo de caixa correto com informações claras e organizadas é essencial para decisões estratégicas. Você sabe como fazer esse controle financeiro corretamente? Explicaremos todos os passos desta jornada!

O que é fluxo de caixa?

Fluxo de caixa é a principal ferramenta para controlar de forma minuciosa a entrada e saída de valores da sua empresa.

Através deste processo é possível mensurar se a sua organização está em um cenário positivo ou negativo financeiramente, inclusive possibilitando uma análise de projeções futuras e alterações deste cenário.

Por isso, ele se torna tão importante no dia a dia da gerência financeira, já que funciona como uma ferramenta importante e estratégica para ações de recuperação de valores ou novos investimentos em áreas que precisam.

O que deve ser registrado em um fluxo de caixa?

Para uma visualização completa, ele deve conter:

 

  • Todos os recebimentos: vendas à vista, à prazo, parceladas, recorrências, duplicatas e todas as outras formas de entrada de valores financeiros.
  • Todas as saídas: pagamentos à vista, à prazo, parcelados, sobre funcionários, fornecedores, taxas, juros e todos os outros pagamentos que sua empresa realiza.
  • Tudo o que ainda está previsto: tanto pagamentos quanto recebimentos que ocorrerão em um período de pelo menos três meses, para se ter uma projeção futura sobre o caixa da empresa.

Qual tipo de empresa deve utilizar um fluxo de caixa?

Levando em conta a importância da organização de informações de recebimentos e pagamentos de uma empresa, todas devem realiza-lo para gerenciamento dos valores, independente de seu tamanho, porte ou segmento.

Algumas empresas optam por fazer esse processo de forma manual, utilizando planilhas com inserção manual das informações. Outras empresas possuem softwares com integração direto no ERP para um controle automático, o que é claro, é a melhor opção.

Assim, são evitados os processos manuais e possíveis erros e falhas nesse controle tão importante.

Quais são os tipos de fluxo de caixa?

Existem diversos modelos para diferentes contextos e análises, conheça todos, quando os utilizar e implementar em sua estratégia!

 

  • Fluxo de caixa simples

Esse modelo é o ideal para empresas que estão começando! 

Como o próprio nome diz, ele é o modelo mais simples desse processo, levando em conta as principais contas a serem pagas e as principais entradas financeiras no período estipulado e um pouco mais a frente.

Por ser um modelo mais simples, consequentemente ele gera informações mais simples, o que deixa algumas lacunas em aberto quando se pensa em um planejamento mais complexo e completo.

 

  • Fluxo de Caixa Operacional

O fluxo de caixa operacional também pode ser útil para empresas que estão iniciando ou para empresas que desejam ter uma visibilidade maior sobre entradas e saídas apenas de seus processos operacionais.

Isso porque através dele você terá visualização sobre as transações financeiras fundamentais para a sobrevivência da empresa, sem calcular juros, impostos ou investimentos.

 

  • Fluxo de caixa Descontado

Também conhecido pelas siglas FDC, é utilizado principalmente quando há possibilidade de venda da empresa ou investimento na marca, o fluxo de caixa descontado é usado para saber o real valor dessa empresa ou marca.

Através dele é possível prever um ROI (retorno de investimento) sobre esse investimento ou compra, baseando-se na previsão do fluxo de caixa.

Neste cálculo o ideal é conseguir entender a projeção futura do fluxo de caixa, subtraindo os possíveis riscos desta operação e o valor calculado da compra ou investimento na marca.

 

  • Fluxo de caixa incremental

O fluxo de caixa incremental é utilizado para a visualização de um ROI de um projeto lançado.

É através deste fluxo que conseguimos analisar as entradas e saídas após o lançamento do projeto, possibilitando entender se este projeto é realmente vantajoso ou não.

 

  • Fluxo de caixa Indireto

Utilizado por contadores para visualização de um determinado período, o fluxo de caixa indireto auxilia a entender se a empresa teve mais lucros ou prejuízos, por apontar os resultados líquidos, demonstrados no DRE.

Este fluxo de caixa é ideal para ter um gerenciamento micro de determinados períodos da empresa.

 

  • Fluxo de caixa livre

Também conhecido como FCL, o fluxo de caixa livre mostra a capacidade da empresa em fazer lucro em um determinado período.

Através dele descobrimos se a empresa terá recursos para investimentos ou se não conseguirá honrar as dívidas mensais.

Ele se mostra importante para a análise de projeção de lucros e até mesmo, da criação de um capital.

 

  • Fluxo de caixa projetado

Como o próprio nome diz, esse fluxo de caixa é específico para ter uma visão sobre a projeção futura da empresa, sendo assim, ele não deve conter informações de entradas e saídas do passado, apenas as futuras.

Através dele é possível fazer uma análise micro sobre um futuro cenário positivo ou negativo da organização.

 

  • Fluxo de caixa diário

Utilizado principalmente por grandes empresas que possuem operações e transações financeiras mais complexas, o fluxo de caixa diário deve ser alimentado diária e constantemente.

Para sua utilização, o ideal é que a organização tenha uma equipe específica para essa alimentação e análise, tornando o acompanhamento das entradas e saídas um processo muito mais minucioso.

 

Criar um fluxo de caixa estratégico para cada momento da sua empresa é essencial para que você consiga criar um capital sólido e manter a saúde financeira da sua empresa.

Você sabia que o Risco Sacado também é uma forma de rentabilizar seu caixa?

Entre em contato com nossos especialistas e saiba mais!

Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on facebook

Copyright 2021. Uma solução Finnet S/A.

Rua Pamplona, 145 - 1 andar